Notícia

SEFAZ

Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas
Quarta, 11 March 2020 19:10
AVANÇO

Fazenda, CGE e CRC unem forças para implantar projetos de utilidade pública em AL

Encontro aconteceu na terça-feira (11), no Bloco Administrativo Sílvio Carlos Viana, em Maceió

Reunião teve a participação de representantes da Sefaz, do CRC, da Ascontal e da CGE Reunião teve a participação de representantes da Sefaz, do CRC, da Ascontal e da CGE Ivo Neto
Texto de Tatyane Barbosa

A Secretaria da Fazenda de Alagoas (Sefaz-AL) se reuniu, nesta quarta-feira (11), com os profissionais da classe contábil no Bloco Administrativo Sílvio Carlos Viana, em Jacarecica. A oportunidade serviu para aproximar os contadores do Estado das ações realizadas pelo Fisco, além de trocar experiências a fim de melhorar ainda mais a relação e serviços junto à categoria.

Durante o encontro, foram expostos projetos que visam a cooperação da Sefaz-AL, da Controladoria Geral do Estado (CGE) e do Conselho Regional de Contabilidade (CRC). A ideia é criar produtos que sejam de utilidade pública.

O secretário da Fazenda, George Santoro, aproveitou a oportunidade para fomentar ainda mais o diálogo, buscando o avanço nas atividades do órgão. “Apresentamos a atual situação do Estado, quais são os próximos passos, sanando dúvidas e ouvindo sugestões dos contadores. O trabalho a ser desempenhado em conjunto vai fortalecer a contabilidade pública e área tributária, instituindo mecanismos que auxiliarão também na controladoria pública, não só no Estado, mas também nos municípios”, salienta o secretário da Fazenda, George Santoro.

“Ver esse auditório lotado de profissionais de contabilidade que estão aqui dispostos a contribuir de forma efetiva, de trabalhar junto com o Estado é muito importante. Mais importante ainda é ver a Sefaz abrir suas portas com toda a sua equipe”, ressalta a controladora da CGE, Maria Clara Bugarim.

De acordo com o presidente do Conselho, João Viera, informar com transparência o que está acontecendo no Estado foi de extrema valia para se pensar em estratégias que colaborem ainda mais com esse avanço.

“Estamos solidários com Alagoas. Conhecer a realidade do Estado nos incentiva, enquanto contadores, a nos unir com todas as entidades para obter sucesso. Nossa relação é muito boa. O secretário da Fazenda foi na nossa sede e conheceu a nova gestão do conselho. Éramos 45 profissionais e ampliamos para 170. Criamos comissões da área pública e, a partir daí, reforçamos os laços com o Estado em prol da evolução de Alagoas”, enfatiza.